Brasília – Mini-edição do 8º seminário docomomo brasil

Mini-Docomomo-2008-Bsb

Mini-edição do 8º Seminário Docomomo brasil

Cidade Moderna e Contemporânea: Síntese e Paradoxo das Artes

Brasília, 28 e 29 de agosto de 2009

Auditório do Instituto Cervantes de Brasília
Entrada Franca
Inscrições de 20 a 27/08 na secretaria do Instituto Cervantes

O Instituto Cervantes em colaboração com a Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Universidade de Brasília, a Agência Espanhola de Cooperação Internacional para o Desenvolvimento (AECID), o Docomomo Brasil e os Núcleos Docomomo Rio e Docomomo BSB, comemoram os 50 anos da inauguração de Brasília com a Mini-edição do 8º Seminário Docomomo Brasil.

Nomes de destaque internacional no campo da arquitetura e do urbanismo, como os espanhóis Luis Fernández-Galiano e Beatriz Colomina e o francês Philippe Panerai, além de Roberto Segre, Sylvia Ficher, Andrey Rosenthal Schlee, Danilo Matoso Macedo, Carlos Henrique Magalhães, Elcio Gomes, Eduardo Pierrotti Rossetti e Cláudia Estrela Porto, discutirão – entre outros temas – Brasília hoje, os critérios para a sua preservação e sua inserção no panorama da arquitetura e urbanismo contemporâneos.

O Seminário será ofertado como Curso de Extensão pela Faculdade de Arquitetura da Universidade de Brasília.


Programação

Mini-edição
8º seminário docomomo brasil

Cidade Moderna e Contemporânea: Síntese e Paradoxo das Artes

Data:
28 e 29 de agosto de 2009

Local:
Instituto Cervantes de Brasília

Coordenação:
Manuel Lombao, Instituto Cervantes
Sylvia Ficher, FAU/UnB


Sexta-feira, 28 de agosto de 2009

14h às 18h

Brasília : cidade real, cidade tombada
Sylvia Ficher
Arquiteta pela FAU/USP, Mestre em Preservação Histórica pela Columbia University (Nova York), Doutora em História pela FFCHL/USP, com Pós-Doutorado em Sociologia pela École des Hautes Etudes em Sciences Sociales (Paris), foi Visiting Scholar na Columbia University. Professora Associada da FAU/UnB, é autora de Arquitetura moderna brasileira (1982), GuiArquitetura Brasília (2000) e Os arquitetos da Poli (2005).

Paris / Brasília : a grande escala
Philippe Panerai (França)
Arquiteto e urbanista, recebeu o Grande Prêmio de Urbanismo da França (1999) e a Medalha da Academie d’Architecture (2007) pelo conjunto de sua obra. É membro do Institute for Urban Design (Nova York) e autor de inúmeros livros, entre os quais Formes urbaines (1977), Lecture d’une ville: Versailles (1980), Les bastides (1985), Projet urbain (1999), Analyse urbaine (1999) e Paris métropole (2008).

Praça da Soberania : registro de uma polêmica
Danilo Matoso Macedo
Arquiteto e urbanista, Mestre pela Escola de Arquitetura da UFMG, é arquiteto da Câmara dos Deputados e Coordenador do Núcleo Docomomo Brasília desde sua fundação em 2007. É editor da
revista de arquitetura e urbanismo mdc e autor do livro Da matéria à invenção: as obras de Oscar Niemeyer em Minas Gerais, 1938-1954 (2008).

Modernidades capitais
Carlos Henrique Magalhães
Arquiteto e urbanista, Mestre pela FAU/UnB.

Arquitetura monumental de Brasília : documentação e historiografia
Elcio Gomes da Silva
Arquiteto e urbanista, Doutorando pela FAU/UnB, é arquiteto da Câmara dos Deputados.

José Manoel Morales Sánchez
Engenheiro civil pela FT/UnB, Mestre pelo COPPE/UFRJ e Doutor em Estruturas e Construção Civil pela FT/UnB. Com atuação em diversos cargos técnicos em instituições governamentais, atualmente é Professor Adjunto da FAU/UnB.

Itamaraty: arquitetura e documentação
Eduardo Pierrotti Rossetti
Arquiteto e urbanista pela PUC/Campinas e Doutor pela FAU/USP, é Bolsista Pós-Doutor Júnior do CNPq e Pesquisador Associado Pleno junto à FAU/UnB.

Quando arte e arquitetura se mesclam: a obra de Athos Bulcão e Lelé
Cláudia Estrela Porto
Arquiteta e urbanista pela FAU/UnB, com DEA e Doutorado pela Université de Paris I – Panthéon – Sorbonne. Professora associada e vice-diretora da FAU/UnB. Organizou com Gérard Monnier o livro Brasília: l’epanouissement d’une capitale (2006), e é autora de Sérgio Parada: Aeroporto Internacional de Brasília (2008).

Andrey Rosenthal Schlee, debatedor
Arquiteto e urbanista pela FAU/UF Pelotas, Mestre pelo PROPAR/UFRGS e Doutor pela FAU/USP. Professor Adjunto e Diretor da FAU/UnB, é autor de 100 imagens de Pelotas (2006).



Sábado, 29 de agosto 2009

9h às 13h

Paradoxos arquitetônicos no projeto de Niemeyer para o Palácio do Congresso
Roberto Segre
Arquiteto pela Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Universidade de Buenos Aires (1960), em 1963 transferiu-se para Cuba, onde foi professor da Faculdade de Arquitetura e Urbanismo de Havana. Foi assessor da UNESCO, bolsista da Guggenheim Foundation (Nova York) e desde 1994 é professor do Programa de Pós-Graduação em Urbanismo da FAU/UFRJ (Prourb). Em 2007 recebeu o título de Doutor Honoris Causa do Instituto Superior Politécnico de Havana, Cuba. É autor de mais de 35 livros, entre os quais América Latina en su Arquitectura (1975), Arquitetura e Urbanismo da Revolução Cubana (1987), Arquitectura Antillana del Siglo XX (2004), Casas brasileiras (2006) e Oscar Niemeyer: 100 anos, 100 obras (2007).

Arquitetura e cidade em tempos de crise
Luis Fernández-Galiano Ruiz (Espanha)
Arquiteto, doutor, é catedrático da Escola de Arquitetura de Madri e dirige as revistas Arquitectura Viva e AV Monografías e a sessão de arquitetura do jornal El País. Ocupou a Cátedra Cullinan na Rice University; lecionou nas Universidades de Harvard, Princeton, Complutense e Mendez Pelayo e no Instituto Berlage de Amsterdam e foi Visiting Scholar do Getty Center (Los Angeles). Realizou pesquisas para a Fundação Juan March, o Ministério de Educação e Cultura e o Ministério de Fomento da Espanha. Foi diretor de arquitetura da Hermann Blume Editores e assessor da Editora Gustavo Gili. É autor de vários livros e artigos, muitos deles traduzidos para o inglês, francês, alemão e italiano.

A arquitetura de Raios X
Beatriz Colomina (Espanha)
Arquiteta pela Escola de Arquitetura de Barcelona (ETSAB), foi professora da ETSAB, do MIT (Cambridge, Mass.) e da Columbia University (Nova York). Atualmente é Professora e Diretora do Programa de Doutorado em Arquitetura e do Programa em Media e Modernidade da Universidade de Princeton (Nova Jersey). Autora de Sexuality and Space (International Book Award 1993, do American Institute of Architects) e Privacy and Publicity: Modern Architecture as Mass Media (International Book Award 1995, do AIA), tem artigos publicados em numerosos livros, catálogos e revistas, como AA Files, Domus, Archis, 9H, Center, Werk, Bauen+Wohnen, Daidalos, Ottagono, Newsline, ANY, Exposé, Assemblage, Discourse, Insite, Transition, MAMA, Arquitetura Viva, Grey Room e El Croquis. No momento está preparando o livro Domesticity at War: 1945-1961, sobre arquitetura moderna e guerra no contexto dos Estados Unidos.

Andrey Rosenthal Schlee, debatedor


Instituto Cervantes de Brasilia
SEPS 707/907 Lote D
Asa Sul – 70390-078
Brasilia – DF
Tel.: 55 61 3242 0603
Fax.: 55 61 3443 7828
informabras@cervantes.es


Promotores

Instituto Cervantes
Manuel Lombao
Diretor

Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Universidade de Brasília
Andrey Rosenthal Schlee
Diretor

Docomomo Brasil
Carlos Eduardo Dias Comas
Coordenador Executivo
Porto Alegre, Propar-Ufrgs

Núcleo Docomomo Rio
Roberto Segre
Coordenador
Rio de Janeiro, Prourb-Ufrj

Núcleo Docomomo BSB

Danilo Matoso Macedo – Coordenador

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: